1549.01388.38624 1 0 4000 1 http://blacksheepproject.com.br/blog 300

BS Festival recebe projeto australiano e cantor Ernest Aines

0 Comentários

Música, design e impacto social como formas de empoderamento. Essa é a ideia por trás do The Locals Matter Project, projeto australiano com coração brasileiro que aterriza no BS Festival com workshop realizado no domingo (02), às 14h, na Casa Destemperados. Na Austrália, a iniciativa une artistas locais de Melbourne com jovens da cidade através de eventos e workshops de criação musical e campanhas sociais. O workshop faz parte da programação do BS Festival, evento de inovação criativa que vai tomar conta do bairro floresta, dias 1ᵒ e 2 de setembro, sábado e domingo.

 

Participarão da atividade a co-fundadora e planejadora estratégica do The Locals Matter Project, Paula Campani e a co-fundadora e diretora da iniciativa, Beatriz Inoue. Além delas, o evento receberá o cantor e compositor australiano Ernest Aines. Há 13 anos na estrada, Aines conversa com estilos que vão desde o folk até a música celta.

 

Além de ter lançado um EP com 5 músicas, Ernest têm rodado os workshops do The Locals Matter Project na Austrália. Através de música e design thinking, o projeto acredita ser possível oferecer a cada jovem a possibilidade de criar, desenvolver e contribuir com a concepção de ideias que transformem suas realidades.

 

O workshop apresentado no BS Festival leva o nome de “Beats of Change: Music Thinking Workshops”. Durante a dinâmica os participantes serão desafiados a criar uma causa social que tenha a ver com algum problema que você enfrente em sua comunidade local ou no mercado de trabalho. A partir desse ponto, é hora de compor uma música capaz de engajar as pessoas na causa proposta.

 

Durante o processo diversos aspectos serão trabalhados e desenvolvidos, como criatividade, autoaperfeiçoamento de habilidade de liderança e consciência social. O objetivo é abrir as habilidades pessoais e ideias musicais para resolver problemas e impactar o mundo. Os participantes serão conectados a músicos locais, artistas de rua e profissionais da música, além de designers e profissionais de impacto social. A atividade dura cerca de quatro horas e meia.

 

IMAGENS
https://www.dropbox.com/sh/0um1pk2oc2xqq1r/AACjGMMJxCdgAquui40dCGXpa?dl=0

 

Áudio e vídeos de Ernest
https://soundcloud.com/ernestaines
https://www.youtube.com/watch?v=oOr0_8XffaU
https://www.youtube.com/watch?v=idrMUy_xlew
https://www.youtube.com/watch?v=ZlM33xX9Tu4

SERVIÇO
O que: “Beats of Change: Music Thinking Workshops”
Quando: 2 de setembo ( domingo)
Onde: Casa Destemperados (R. Marquês do Herval, 82 – Moinhos de Vento) – Porto Alegre

Horário: 14h

Ingressos: http://bit.ly/wokshopsBS

 

Sobre o BS Festival

Nos dias 1ᵒ e 2 de setembro, sábado e domingo, Porto Alegre recebe a 2ᵃ edição do BS Festival, evento de inovação criativa que este ano vem ainda maior e com mais atividades. São seis pilares de conteúdos distribuídos em mais de 12 espaços (hubs), reunindo 120 atividades entre palestras, workshops, experiências e atrações espalhadas em um dos bairros mais criativos da cidade: o Bairro Floresta. As palestras e workshops acontecerão em espaços que abrigam de 120 a 300 pessoas cada um. Promovido pelo Black Sheep Project e Grupo Austral, o evento traz conhecimento e diversão com beertrucks e foodtrucks; apresentações artísticas e musicais; entre outras atrações. A rua comendador coruja será o ponto central do evento e estará fechada no sábado com beer trucks e food trucks, além de música, arte e cultura aberto ao público. A ideia é ocupar espaços públicos, trazer as pessoas para a rua, viver a cidade e conhecer espaços incríveis pela região.

 

Atividades gratuitas

 

  • Beer e food trucks – Rua Comendador Coruja fechada com acesso público;
  • Shows ao ar livre – com bandas de POA;
  • Bike Tour POA – passeio de bicicleta por diversos pontos Distrito C, no domingo, às 10h (saída da Gonçalo de Carvalho).
  • Grafite – No sábado, o Coletivo Paxart vai customizar uma combi durante o evento;
  • Loop bikes – Serão oferecidas bikes gratuitas para pedalar entre um hub e outro;
  • Mini Maker Faire – Feira que congrega “fazedores” das várias áreas com foco em empreendedorismo.

 

Mapa dos Hubs (espaços das palestras e workshops)

Casa Cultural Tony Petzhold; Casa de Teatro; CELUZ – Centro de Eventos Luz da Aurora; Espaço 373; Fábrica do Futuro; Senac Gestão & Negócios; Tanguera Estúdio Danza e Voz, ente outros. Veja o mapa: http://www.bsfestival.com.br/#hubs

 

IMAGENS

https://www.dropbox.com/sh/siuz1hazrq8bg8q/AAAQE14UwX2UHuXyjxHYjbnHa?dl=0

 

SERVIÇO                                                                                                         

O que: BS Festival 2018
Quando: 1 e 2 a setembro ( sábado e domingo)
Onde: Black Sheep Project (Av. Cristóvão Colombo, 545)  – Floresta
Ingressos:  R$ 140,00 (2ᵒ lote – individual); R$119,00 (2ᵒ lote – grupos)

Informações e ingressos: http://www.bsfestival.com.br


INFORMAÇÕES PARA IMPRENSA

Grazieli Gotardo – 51 – 99162-0568 – assessoria@reversocomunicacao.com.br
Tatiane Mizetti (Conrerp/4ª 2820) – 51 99235-8086 reverso@reversocomunicacao.com.br
51 – 3398-7958
Reverso Comunicação Integrada (Conrerp/4ª PJ116)
www.reversocomunicacao.com.br

Anterior
Movimento Setembro Verde chega a segunda edição e será lançado no BS Festival
Próximo
BS Festival reúne conteúdo para start ups

0 Comentários

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.